3 de setembro de 2010

PROTESTO!

Bom pessoal, desta vez não venho aqui para colocar algum poema,alguma poesia ou algo do gênero.
Vim apenas deixar aqui a minha indignação perante essa "nova linha" da juventude brasileira. Não tenho preconceito com o estilo ou gosto musical de ninguém, mas uma coisa realmente me incomoda.
Eu sou um típico cidadão eclético, gosto muito de boa música, principalmente Rock, MPB e Reggae.
E o que vem me indignando é ver essa "nova galerinha", que usa uma calça extremamente colorida e cabelos estravagantes, se auto intitulando ser "diferentes", o que é mentira, pois todos se vestem iguais.
Bom, deixando a modinha de lado, chego ao motivo de tal protesto:
Além dessa galera dar prêmios(Multishow)importantes a bandas sem nenhum potencial musical(Restart), eles agora insistem em usar a famosa "pulseira do reggae". Detalhe: Eles quanto muito conhecem Bob Marley.
Meus amigos coloridos, por favor retirem esta pulseira de seus corpos.
Não carregue as cores da unificação, simplesmente por moda. Pois tenho certeza que vocês não fazem a mínima ideia de quem foi ao menos Haille Selassie.
Eu uso há anos uma pulseira com as cores da unificação(verde, amarelo e vermelho), mas para mim representa muita coisa.
Esse pessoal colorido (a maioria), põe a pulseira, simplesmente por que o fulaninho bonitinho também tem.

Não usem algo que vocês não sabem o que significa!

4 comentários:

  1. Veeerdade!
    jaoijaoijaoiajoia

    muito bom véi

    ResponderExcluir
  2. verdade muito bomm ;]

    ResponderExcluir
  3. aai adorei e esses emos concerteza não sabem o sentimento do reggae

    ResponderExcluir
  4. WHAT Oo

    Que pena, um blog de poesia sem poesia. Isto é lamentável.

    Aliás, como pode alguém usar o termo eclético e dizer que não tem preconceito se está criticando o modo de vestir de outras pessoas. e se querem usar pulseiras disso ou daquilo.

    Que importancia tem em conhecer Bob Marley? Vinicius, quero que saiba que tenho DVD'S dele e admiro toda a sua obra musical.
    Mas a verdade todos sabem, ele fazia apologia às drogas e isto é um fato. Ou tu nunca viste jovens ou velhos usando uma camiseta com a cara dele estampada e, como plano de fundo, uma baita folha de maconha. Piada né.

    Cada um que carregue pulseiras da cor que quizer. è o livre arbítrio.

    Já ia esquecendo, Hailé Selassié ou Hailê Selassiê, não é conhe cido por pessoas que escutam músicas apenas por escutar.

    Ele foi importante lá no país dele, mas aqui ele não é comentado então não existe.

    Enfim, como tu és eclético e não tem preconceito, nem vai se importar.

    ResponderExcluir